Notícias

23/4/2014
VACINAÇÃO CONTRA GRIPE NA BAIXADA SANTISTA

INFORMATIVO - VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE de 22/04 à 09/05/2014

Teve início a campanha de vacinação em 22/04 contra a gripe na Baixada Santista. Mas, em duas cidades, Bertioga e Itanhaém, as doses começam a ser aplicadas hoje. Em toda a região, a imunização acontecerá em postos de saúde e unidades volantes. Poderão ser vacinadas crianças com idade entre 6 meses e 5 anos, pessoas com 60 anos ou mais, indígenas, profissionais da saúde, presos e funcionários do sistema prisional, grávidas, mulheres até 45 dias após o parto e pessoas com doenças crônicas.
 Até o ano passado, tinham acesso a vacina somente crianças até 2 anos. No entanto, devido ao alto número de internações de crianças até 5 anos com gripe (25%), o Ministério da Saúde ampliou a faixa etária. A meta do Governo Federal é imunizar até o dia 9 de maio cerca de 49,6 milhões de pessoas.

Em Bertioga, a meta para este ano é imunizar 13.278 pessoas. No ano passado, o município superou a meta estabelecida pelo Ministério da Saúde (7.168 doses) e conseguiu vacinar 7.295 pessoas. Ao todo, serão montados 11 postos de vacinação, entre fixos e volantes. No sábado, dia 26, as doses também serão aplicadas no Centro de Saúde III, que está funcionando no Hospital de Bertioga.
 Vale lembrar que pacientes acamados, isto é, que se encontram de cama em casa, enquadrados na faixa etária do grupo prioritário poderão receber a vacina em suas residências. Para isso, um responsável deve ligar na Vigilância Epidemológica: 3317-1731 ou 3317-6168 e informar nome, endereço, bairro, telefone celular e um ponto de referência para agendamento da vacinação, que pode ser feito durante todo o período da campanha.

 Cubatão: A campanha começou na terça. A dose será aplicada em 21 postos fixos, que atenderão das 8h às 17 horas, e outros volantes, com horários específicos, para atender, principalmente, pacientes acamados.  
Neste caso, cuidadores não incluídos no Programa de Atendimento Domiciliar (PAD) da Prefeitura podem contatar a Unidade Básica de Saúde (UBS) mais próxima do paciente para informar que têm interesse em receber a vacina em casa.

Guarujá: Não informou o número de vacinas que deverão ser aplicadas. Porém, no ano passado, mais de 50 mil pessoas, que integravam o público-alvo da campanha, receberam a dose.

Itanhaém: Assim como em Bertioga, na Cidade a vacinação começa hoje. Na mesma semana do início da campanha, no sábado, haverá o dia “D”, data dedicada à mobilização nacional em que as Unidades de Saúde da Família (USF) estarão atendendo especialmente para trabalhar a imunização contra os agentes causadores da doença. A meta da campanha é imunizar mais de 26,7 mil pessoas em todo o Município.
 
 Mongaguá: O atendimento erá feito nas Unidades de Saúde da Família (Pedreira, Vila Operária, Jardim Praia Grande, Jussara, Flórida Mirim e Jardim Primavera), de segunda a sexta-feira, das 8h às 16 horas. Já no dia 26 de abril, o “Dia D”, as unidades de saúde funcionarão das 8h às 16 horas.  

Praia Grande: A dose estará disponível nas 21 unidades de Saúde da Família (Usafas) e Multiclínicas, de segunda a sexta-eira, das 8h às 17 horas.  A meta da campanha estipulada pelo Ministério da Saúde é vacinar 80% do público alvo. Em Praia Grande, de acordo com dados da Sesap, mais de 50 mil pessoas fazem parte dos grupos que deverão ser vacinados.  
 Vale lembrar que idosos internados em instituições públicas e particulares do Município receberão a visita de volantes para vacinação. Já os pacientes acamados, que se enquadrem no público alvo da campanha, devem agendar visita de um agente de saúde que aplicará a vacina na Usafa mais próxima de sua residência.

Santos: A meta do Ministério da Saúde é imunizar até o dia 9 de maio, no mínimo, 133.268 pessoas, o que equivale a 80% das pessoas dentro dos grupos prioritários.

São Vicente: Além das doses disponibilizadas nos postos de saúde, pessoas acamadas poderão receber a vacina em casa. O agendamento deve ser feito até 9 de maio, no Departamento de Vigilância Epidemiológica (Deviepi), pelo telefone (13) 3569-5702.
 Nome, idade, telefone para contato, endereço completo, nome do cuidador e motivo pelo qual a pessoa está acamada são informações que devem ser passadas no ato do agendamento.

 *Peruíbe não divulgou as informações da campanha.
http://www.atribuna.com.br/mobile/cidades/campanha-de-vacina

Fonte: RESPONSABILIDADE SOCIAL